Entenda os tipos e tratamento e diagnóstico possíveis de doenças da próstata e seus tratamentos.

Câncer de Próstata e Hiperplasia Prostática Benigna (HPB): Entendendo as Diferenças e o Tratamento

Olá! Hoje vamos falar sobre dois temas importantes relacionados à saúde masculina: câncer de próstata e hiperplasia prostática benigna (HPB). É fundamental compreender as diferenças entre essas condições para um melhor entendimento sobre o tratamento e o cuidado com a saúde urológica.

Câncer de Próstata vs. Hiperplasia Prostática Benigna (HPB)

O câncer de próstata e a HPB são duas condições que afetam a próstata, uma glândula localizada abaixo da bexiga e responsável pela produção de parte do líquido seminal. Embora possam apresentar sintomas semelhantes, como dificuldade para urinar e aumento da frequência urinária, são doenças distintas em termos de origem e comportamento.

·         Câncer de Próstata: É uma doença na qual as células da próstata se multiplicam de forma descontrolada, formando tumores. Esses tumores podem ser agressivos ou indolentes, ou seja, crescerem rapidamente ou de forma mais lenta. O câncer de próstata é uma das formas mais comuns de câncer em homens, mas quando detectado precocemente, possui altas taxas de cura.

·         Hiperplasia Prostática Benigna (HPB): Ao contrário do câncer, a HPB não é uma doença cancerígena. Trata-se de um aumento benigno do tamanho da próstata devido ao crescimento excessivo de células normais. Esse aumento pode comprimir a uretra, causando sintomas urinários como dificuldade para urinar, jato fraco e sensação de esvaziamento incompleto da bexiga.

Tratamento: Ressecção Transuretral da Próstata (RTUp)

A RTU (ressecção transuretral da próstata) é um procedimento cirúrgico utilizado principalmente no tratamento da HPB em próstatas de até 80 gramas. Durante a RTU, parte do tecido prostático aumentado é removido para aliviar os sintomas urinários causados pela compressão da uretra.

É importante destacar que a RTU é um procedimento destinado especificamente ao tratamento da HPB e não remove células cancerígenas da próstata em casos de câncer de próstata. Isso ocorre porque o câncer de próstata, em sua maioria, está localizado em regiões periféricas da próstata, enquanto a HPB afeta principalmente a zona mais central da próstata, próximo à uretra.

Durante a RTU, o "miolo" da próstata, responsável pelo crescimento excessivo na HPB, é removido, deixando a "casca externa" intacta. No entanto, essa abordagem não é eficaz no tratamento do câncer de próstata, pois o câncer pode crescer na parte externa (casca) da próstata, onde não é removido durante a RTU.

Por isso, para um tratamento curativo do câncer de próstata é necessária uma cirurgia maior, a prostatovesiculectomia radical.

Portanto, se você está enfrentando problemas urinários e suspeita de uma condição na próstata, é essencial consultar um urologista para um diagnóstico preciso e um plano de tratamento adequado. O acompanhamento médico regular e os exames preventivos são fundamentais para a saúde urológica e o bem-estar geral dos homens.

Espero que estas informações tenham sido úteis para esclarecer as diferenças entre o câncer de próstata e a HPB, bem como o papel da RTU no tratamento da HPB. Não hesite em buscar orientação médica para suas dúvidas e cuidados com a saúde! Estamos à disposição.

 --------------------------------------------

Dr. Rafael Ernst Grunewald
CRM 201112
RQE 124579

📍Av. Paulista, 1048 - 18o andar - São Paulo - SP
🤳Whatsapp: +5511965923055
🌐www.drrafaelgrunewald.com.br